Uma mulher perde o emprego por causa das suas fotos de biquíni no Instagram.

Uma decisão que ela considera sexista.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Uma jovem bombeira perdeu o emprego por postar fotos ousadas no Instagram. Hoje, ela está a tentar agora receber uma indeminização alegando ter sido vítima de demissão injusta.

Presley Pritchard, uma bombeira cuja vida mudou inesperadamente há alguns meses. Na verdade, a jovem perdeu o emprego por ter publicado fotos muito ousadas no Instagram. O seu empregador, Evergreen Fire Rescue, demitiu-a em agostopor causa das suas atividades um pouco perturbadoras na plataforma de partilhamento de fotos e vídeos on-line.

Seguida por mais de 141.000 fãs, as suas fotos, onde ela pode ser vista a praticar desporto em roupas justas, não eram do gosto de alguns dos seus colegas, mas também de alguns cidadãos de Colorado que também a julgavam ousada. Diante dessa pressão, a direção decidiu demiti-la.

Como você pode ver, as fotos dela são realmente bastante ousadas, mas serão ousadas demais para uma bombeira? Esta é uma pergunta extremamente difícil de responder.

É claro que o seu empregador tinha uma opinião clara sobre o assunto. Ainda assim, a conta do Instagram de Presley Pritchard não é algo muito chocante. Podemos simplesmente ver uma mulher com autoconfiança, que ama o seu corpo e que não tem medo de mostrá-lo em todas os seus ângulos ou quase.

É em particular a foto abaixo, onde ela veste o seu uniforme, que causou uma grande controvérsia.

Presley Pritchard considera que foi vítima de uma demissão injusta e descreve o tratamento que recebeu como sexista. A jovem lembra que os bombeiros são conhecidos por fazerem calendários com fotos ousadas, mas o julgamento das pessoas muda quando é a vez das mulheres. Ela agora pretende obter uma compensação.

A disputa dizia respeito às famosas fotos de uniforme publicadas na sua conta do Instagram. O empregador deu-lhe um ultimato para retirá-las enquanto ela afirma ter sido autorizada a publicá-las. 

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye