Uma jovem tem de amputar uma perna por causa de uma unha encravada

Coitada

Partilhar no Facebook
545 545 Partilhas

Hannah Moore é uma adolescente inglesa que viu a sua perna amputada por causa de uma simples unha encravada.

Algumas semanas depois de se magoar no pé, a perna doía-lhe cada vez mais.

Mas Hannah não deu a devia atenção a isso. O pé começou então a inchar e uma úlcera formou no meio dele.

Escamas também se formaram nos dedos dos pés.

À medida que os dias passam, a dor tornou-se cada vez mais insuportável.

A dor é tal que Hannah é forçada a pôr-se numa cadeira de rodas.

Os médicos descobrem que a jovem sofre de Síndrome da dor regional complexa, muitas vezes uma doença neurológica crónica.

Hannah tentou dezenas de tratamentos para a curar: "Nos últimos três anos tem sido um pesadelo absoluto, é loucura como uma vida pode colapsar apenas por causa de uma unha encravada", diz ela.

Sofrendo muito, Hannah decide ter o pé amputado contra os conselhos dos médicos. Ela vai a uma clínica privada e paga 4500 euros para ser amputada.

"Esta doença impediu-me de fazer muitas coisas, ter a minha perna amputada foi a melhor decisão da minha vida", explica ela.

Graças à sua amputação, a dor desapareceu. Ela tem uma prótese e pode caminhar novamente.

Partilhar no Facebook
545 545 Partilhas

Fonte: ayoyemonde · Crédito foto: ayoyemonde