Uma criança mata-se com a arma da mãe enquanto a mãe estava drogada

Todos os detalhes no interior.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Uma criança morreu tragicamente ao se matar acidentalmente com uma pistola, enquanto a mãe estava sob a influência de drogas.

O menino de 2 anos, inseriu a pistola calibre .380 na boca, pensando que era uma pistola de água.

A mãe de 33 anos chamada Melissa Adamson, uma viciada que estava a tentar obter metanfetamina, admitiu que estava drogada e não estava a cuidar dele quando ele apertou o gatilho.

A Gazeta de Colorado Springs relata que, após a trágica morte da criança, ela revelou à polícia que carregou a arma após uma "visita ameaçadora" de um traficante de drogas chamado Beast.

Segundo a mãe, ela deixou a arma no escritório enquanto estava na garagem a ligar para a irmã.

Quando ouviu o disparo, a mãe correu para casa e descobriu que Lokhi se havia matado.

O menino morreu em outubro passado.

Quando a polícia revistou a casa da família, eles encontraram objetos relacionados às drogas, um machado e duas armas de brinquedo com as quais Lokhi costumava brincar.

Adamson declarou-se culpada de maltratar a criança e originar a sua morte e na segunda-feira foi presa para uma longa sentença de 24 anos.

A mãe também se declarou culpada de contribuir para a "delinquência juvenil" depois de admitir dar erva a dois filhos.

Ela tinha um acordo de confissão só ter uma pena entre 16 e 26 anos.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye