Um pai viola a filha moribunda para trazê-la de volta à vida depois dea atropelar para a exorcizar

O tribunal teve que assistir a vídeos perturbadores restaurando toda a cena.

Partilhar no Facebook
414 414 Partilhas

Um homem de 50 anos cuja identidade não foi divulgada tentou trazer de volta a sua filha com deficiência mental de 25 anos de idade, violando-a.

O homem de origem alemã tinha anteriormente atropela a filha para exorcizar um demónio.

No tribunal do distrito de Frauenfeld, em Canton Thurgau, na Suíça, o pai afirmou que simplesmente queria dar à filha uma "massagem" para perseguir um demónio que se havia alojado dentro do seu corpo. , relata DW.

O tribunal teve que assistir a vídeos perturbadores que reencenavam o violento "exorcismo" ocorrido no meio da noite em janeiro de 2016.

Nas imagens, via-se bonecos de palha em tamanho natural. O que representava o pai de pé ao lado da filha de 25 anos, deitada no chão. Então, o pai bateu na filh várias vezes no estômago.

Uma vez estando a morrer dos maus tratos do pai, ou talvez ela já estivesse morta, o homem de 50 anos de idade violou a jovem deficiente na esperança de trazê-la de volta à vida.

A menina morreu de ferimentos internos de acordo com o relatório da autópsia divulgado pelo Frankfurter Allgemeine Zeitung.

O advogado do acusado pediu uma sentença de prisão de três anos para o seu cliente e uma acusação de homicídio culposo.

O pai foi considerado culpado de matar a sua filha e foi condenado a nove anos de prisão na sexta-feira passada.

No entanto, as acusações de violação não foram mantidas.

O pai agora quer recorrer dessa decisão na esperança de ter uma sentença mais branda.

Partilhar no Facebook
414 414 Partilhas

Fonte: RT · Crédito foto: Adobe Stock