​Um homem de 35 anos é preso após abusar de uma criança de 2 anos na casa de banho de um restaurante

O homem foi preso e enfrenta várias acusações.

Partilhar no Facebook
339 339 Partilhas

David Gray, 35, era um homem popular e apreciado por todos.

Ele trabalhou como babysitter para uma família na Flórida e gostava de cuidar da criança de 2 anos de idade. 

Mesmo a sua senhoria Sebrina Bryant gostava dele. "Ele estava bem", disse ela à FOX. "Ele era bom com as crianças e ele sempre pagava o aluguer a tempo. Nunca vi nenhum sinal." 

Na verdade, enquanto todos pensavam que David era um extraordinário bom homem com filhos, ele escondia um terrível segredo.

Um cliente entrou na casa de banho de um restaurante Chick-fil-A em Orlando na manhã de sexta-feira quando ouviu estranhos ruídos provenientes de uma cabine. Ele então notou algo através de uma rachadura.

"[A testemunha] não tinha certeza se o bebé estava a saltar ou se eles estavam a fazer sexo", diz o relatório. "[A testemunha] diz que abriu a água voluntariamente para que o homem soubesse que não estava sozinho na casa de banho. [Testemunha] disse que, se o homem entrou em pânico, ele certamente estava fazer algo errado ".

Obviamente, David Gray entrou em pânico. Sentado numa cadeira motorizada, o suspeito tentou vestir-se rapidamente e sacou de uma arma de choques, ameaçando matar a testemunha.

David Gray foi preso e enfrenta várias acusações, incluindo violação de uma criança com menos de 12 anos.  

Partilhar no Facebook
339 339 Partilhas

Fonte: Derniere Heure · Crédito foto: Derniere Heure