ÚLTIMA HORA: Pelo 50 mortos em atentado suicída

ÚLTIMA HORA

Partilhar no Facebook
402 402 Partilhas

Pelo menos 50 pessoas morreram hoje e 80 ficaram feridas num atentado suicida durante uma concentração de religiosos, que celebravam o nascimento do profeta Maomé em Cabul, anunciaram responsáveis.

Um ataque suicida a um grupo de estudantes na capital afegã, Cabul, matou pelo menos 50 pessoas, segundo as autoridades locais.

Pelo menos 83 pessoas ficaram feridas quando clérigos se reuniam no salão de festas de Urano, um grande complexo de banquetes perto do aeroporto, para marcar o aniversário do profeta Maomé.

É um dos ataques mais mortais em Cabul nos últimos meses.

Ninguém ainda admitiu a responsabilidade pela explosão.

O que aconteceu ?

Cerca de mil pessoas estavam no complexo no momento da explosão.

Basir Mujahid, um porta-voz da polícia de Cabul, disse que "estudantes islâmicos e os seus seguidores reuniram-se para recitar versos do Alcorão para o festival Eid Milad-un-Nabi".

O homem-bomba conseguiu entrar e foi para o centro do encontro, onde detonou os seus explosivos.

O professor de estudos religiosos Mohammad Hanif disse que houve uma explosão ensurdecedora e "todos nos corredores estavam a gritar por ajuda".

Imagens da cena mostravam roupas rasgadas e manchadas de sangue, vidros quebrados e móveis derrubados.

A 1TV News citou o Ministério da Saúde dizendo que 24 dos feridos ficaram gravemente feridos.

Partilhar no Facebook
402 402 Partilhas

Fonte: DN · Crédito foto: DN