Temos que esquecer coisas triviais para conseguirmos acumular informações importantes e relevantes, diz estudo.

Confirmado pelos cientistas.

Partilhar no Facebook
43 43 Partilhas

Acontece com você? Todo mundo te acha distraído? Diz que você é desatento. Você esquece onde estacionou o carro? Não lembra o nome de ninguém que deixa de ver a algum tempo... Não sabe nome de ruas e localização exata de locais que não frequenta muito...

Fique tranquilo! Blake Richards, um professor da Universidade de Toronto, no Canadá, publicou na revista científica Neuron seu estudo sobre como a memória funciona para a otimização do processo de tomada de decisões no mundo real. O estudo revelou que esquecer não tem nada a ver com baixa inteligência. Ele explica que o cérebro não percebe os fatos como eles são; ele cria uma imagem geral de certos eventos e simplifica algumas informações para uso futuro. Acontece que no mundo atual recebemos informações demais e elas ocupam muito espaço desperdiçando energia. Por isso ele nos envia um alerta de memória insuficiente. E é nesse exato momento que o mecanismo da memória ruim (o esquecimento) entra em ação.   

Quem se lembra... brincadeirinha... do episódio do repórter que entrevistou o cientista Albert Einstein, e ficou chocado quando ele relatou não lembrar do próprio número de telefone. Einstein sobre isso disse: "Nunca memorize algo que você possa procurar". Como era sábio! 

Devemos então tentar limpar nosso hd de vez em quando e tratar de relaxar quando esses esquecimentos acontecem, afinal, é só nosso cérebro liberando espaço para coisas mais importantes. 

Limpando e otimizando a memória

"Nós sabemos que o exercício aumenta o número de neurônios no hipocampo", disse Richards. Então se jogue na malhação! 

Pessoas mais inteligentes são mais esquecidas porque o aumento do número de neurônios faz com que o cérebro preciso liberar espaço jogando coisas menos importantes fora.

Para melhorar sua capacidade de HD coma alimentos como: grãos integrais, óleo de peixe, mirtilos, tomate, alimentos ricos em vitamina B, nozes, abacate, chocolate amargo, brócolis e molho curry são alguns deles. Então não se assuste e nem pense que está esclerosando, tá? 

Partilhar no Facebook
43 43 Partilhas

Fonte: Cuide-se · Crédito foto: Cuide-se