Proteção Civil pública aviso à população devido ao mau tempo

Todos os detalhes no interior ...

Partilhar no Facebook
93 93 Partilhas

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) ppublicou hoje avisos para a possibilidade de inundações e quedas de árvores devido à precipitação intensa e persistente que se fará sentir nas próximas 48 horas. 

1. SITUAÇÃO

Situação Meteorológica:
De acordo com a informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se nas próximas 48 horas o agravamento das condições meteorológicas, com precipitação persistente e por vezes forte, instabilidade atmosférica (trovoada) e agitação marítima na costa ocidental.

  • 29 NOV – Períodos de chuva persistente e por vezes forte, passando a aguaceiros fracos a partir do início da tarde nas regiões Norte e Centro e estendendo-se gradualmente à região Sul.
  • 30 NOV – Aguaceiros fracos até ao início da tarde no litoral a norte do Cabo Carvoeiro, em especial no Minho.
  • Agitação marítima na costa Ocidental com ondas de oeste/noroeste com 4 a 5 metros, a partir do final da tarde do dia 28 até ao meio da tarde dia 29.

2. EFEITOS EXPECTÁVEIS

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:

  • Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água e gelo;
  • Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem;
  • Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis;
  • Inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem;
  • Danos em estruturas montadas ou suspensas;
  • Dificuldades de drenagem em sistemas urbanos, nomeadamente as verificadas em períodos de preia-mar, podendo causar inundações nos locais historicamente mais vulneráveis;
  • Possibilidade de queda de ramos ou árvores;
  • Possíveis acidentes na orla costeira;
  • Fenómenos geomorfológicos causados por instabilização de vertentes associados à saturação dos solos, pela perda da sua consistência.

3. MEDIDAS PREVENTIVAS

  • A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, pelo que recomenda a observação das seguintes medidas de autoproteção:
  • Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;
  • Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível acumulação de neve e formação de lençóis de água nas vias;
  • Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
  • Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
  • Ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos e árvores;
  • Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a galgamentos costeiros, evitando se possível a circulação e permanência nestes locais;
  • Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos muito próximos da orla marítima;
  • Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

PRECIPITATION AND ROUGH SEAS


1. SITUATION

Meteorological situation:
According to the information provided by the Portuguese Institute of the Sea and Atmosphere (IPMA), a worsening of the meteorological conditions is expected within the next 48 hours, with persistent and sometimes heavy precipitation, atmospheric instability (thunderstorms) and rough seas along the western coast.

  • 29 NOV - Periods of persistent and sometimes heavy rain, passing to weak showers from the early afternoon in the North and Centre regions and gradually extending to the South.
  • 30 NOV - Light showers until the early afternoon along the coast north of Cape Carvoeiro, especially in Minho.
  • Rough seas along the west coast with waves from west to northwest up to 4 to 5 meters, from the late afternoon of the 28th until the middle of the afternoon of the 29th.

2. EXPECTED EFFECTS

In view of the situation described above, the following effects may occur:

  • Slippery road surface and possible accumulation of surface water and ice;
  • Possibility of rapid flooding in urban areas due to the accumulation of rainwater or insufficient drainage systems;
  • Possibility of flooding by transhipment of water lines in historically more vulnerable areas;
  • Flooding in underground urban structures with drainage deficiencies;
  • Damage to mounted or suspended structures;
  • Drainage problems in urban systems, especially those occurring during periods of high tide, and may cause flooding in historically more vulnerable areas;
  • Possibility of falling branches or trees;
  • Possible coastal shoreline accidents;
  • Landslips caused by instability of slopes associated with soil saturation, due to loss of consistency.

3. PREVENTIVE MEASURES

The ANPC reminds people that the possible impact of these effects can be minimized, in particular by adopting appropriate behaviour, particularly in the most historically vulnerable areas, and recommends that the following self-protection measures be observed:

  • Ensure clearing of rainwater drainage systems and removal of aggregates and other objects that may be dragged or obstruct the free flow of water;
  • Adopt defensive driving, reducing speed and taking special care with the possible accumulation of snow and accumulation of water on roads;
  • Do not cross flooded areas in avoid people or vehicles from falling into holes in the pavement or open sewers;
  • Ensure adequate attachment of loose structures, namely scaffolding, placards and other suspended structures;
  • Take special care in circulating or staying near wooded areas, being aware of the possibility of falling branches and trees;
  • Take special care in the circulating along the coast and riverside areas historically more vulnerable to coastal gullies,
  • Do not engage in sea-related activities such as sport fishing, water sports and seafront walks, and avoid the parking of vehicles very close to the seafront;
  • Be aware of meteorological information and Civil Protection and Security Forces indications.
Partilhar no Facebook
93 93 Partilhas

Fonte: facebook Autoridade Nacional de Proteção Civil · Crédito foto: Bombeiros24