Primeiro-ministro foi de autocarro até à Loja do Cidadão

Viajou sempre sem seguranças e acompanhado pela sua esposa

Partilhar no Facebook
2,117 2.1k Partilhas

Esta manhã, quem apanhou por volta das onze horas e meia o autocarro 746 da Carris teve António Costa, o primeiro-ministro, e a mulher como companhia.

Com destino o Marquês de Pombal, António Costa queria mudar a sua morada numa Loja do Cidadão, ele que recentemente se mudou de Sintra para um apartamento em Benfica, na Rua Cláudio Nunes. Antes, residia numa vivenda. 

Foi ao telefone no autocarro que circulou entre a Damaia e o Marquês de Pombal, que Costa manifestou a intenção. 

Viajou sempre sem seguranças e acompanhado pela mulher, Fernanda Tadeu. A mesma disse, ao telefone: "Já nem me lembro da última vez que andámos de autocarro."

Ao telefone, a mulher do primeiro-ministro disse também que ia descer a Avenida da Liberdade, mas foi imediatamente alertada por outro passageiro de que o autocarro não ia até à Avenida da Liberdade. 

O casal saiu então em São Sebastião (na zona do El Corte Inglés). 

Antes de sair do autocarro, houve ainda tempo para Costa trocar palavras com um conhecido e com uma idosa. "Senhor primeiro-ministro, quero desejar-lhe um bom ano", afirmou a senhora. 

Partilhar no Facebook
2,117 2.1k Partilhas

Fonte: CM · Crédito foto: CM