​Portuguesa é morta à facada e deixa filha de 9 anos

Menina terá visto mãe morta

Partilhar no Facebook
313 313 Partilhas

Portuguesa é morta à facada e deixa filha de 9 anos

Maria Rocha de 45 anos foi encontrada morta na passada terça-feira de manha no bar que explorava em Charleroi na Bélgica.

As autoridades  belgas estão a investigar o caso, a mulher foi encontrada com ferimentos de faca nas costas e apesar de ter sido o companheiro a  alertar as autoridades este foi detido.

David Vens, alertou as autoridades a avisou a família da mulher em Portugal, mas os inúmeros casos de violência doméstica relatados pelos vizinhos e amigos, problemas financeiros e alcoolismo levaram a que o homem fosse detido. Suspeita-se ainda que a filha de  ambos tenha assistido à morte da mãe.

Ultimamente, já não nos contava muito sobre a vida dela, mas continuava a queixar-se de David e a dizer que ele era mau para ela, que lhe batia e que bebia muito", disse uma familiar.

Quando as autoridades chegaram ao bar a mulher já estava morta, e o marido ainda teve tempo de ir entregar a filha a uma  amiga antes da policia chegar:

"A Maria partiu. Fica com a pequena, que eu vou seguramente para a prisão" pediu David  à amiga. A amiga  deu conta ás autoridades sobre a violência "diária" entre o casal. "Uma vez esfaqueou-a, outra espetou-lhe um garfo no joelho", contou, garantindo que a portuguesa dormia muitas vezes em sua casa, para fugir dele.

Segundo David, Maria naquela noite dormira na cama e ele num sofá. Quando acordou, encontrou a mulher morta.

A menina por sua vez terá contado que viu a mãe com uma ferida nas costas e que tentou colocar-lhe um penso rápido na ferida, mas que ela estava a dormir.

A família Portuguesa vai pedir a guarda da menina.

Partilhar no Facebook
313 313 Partilhas

Fonte: www.jn.pt · Crédito foto: www.jn.pt