Polícias heróis que salvaram bebé de prédio em chamas no ano passado são louvados Direção Nacional da PSP

Bravo rapazes.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

A mais alta patente da Polícia atribuiu-lhes um louvor pelos últimos anos de serviço, nomeadamente pelo empenho, dedicação e competência demonstrados.

Os agentes da PSP de Cascais Bruno Monteiro e Tiago Almeida foram louvados pelo diretor nacional da PSP pelo ato heróico que salvou a vida a uma família num incendio em São Domingos de Rana, em dezembro do ano passado. 

A mais alta patente da PSP atribuiu-lhes, agora, um louvor pelos últimos anos de serviço, nomeadamente pelo empenho, dedicação e competência demonstrados.

Notícia do salvamento:

Dois agentes da PSP salvaram um bebé de apenas um mês de um prédio em chamas em São Domingos de Rana, em Cascai, na sexta-feira. Uma mulher de 62 anos não resistiu ao incêndio e acabou por morrer.

De acordo com a TVI 24, as chamas terão começado no primeiro andar, onde a vítima mortal estaria a dormir. As chamas provocaram-lhe ferimentos graves aos quais não resistiu.

Entre as vítimas estavam duas crianças: Miguel, de apenas um mês, e a irmã Emanueli, de 4 anos.

Dois agentes da PSP que patrulhavam o local arriscaram a vida para salvar as crianças, depois de terem recebido o alerta, cerca das 9h15 de sexta-feira.

A TVI 24 acrescenta que a dupla entrou no edifício, desligou o gás e a eletricidade e procurou pelas vítimas.

As intensas chamas não permitiram a entrada no primeiro andar, onde estava a mulher de 62 anos, mas, apesar do fumo, os agentes subiram ao segundo andar e resgataram a a família que, a dormir, não se aperceberam do que estava a acontecer.

“Fomos logo tentar eliminar o foco de incêndio, mas já não foi possível. Passámos então ao segundo andar. Havia gritos, havia vítimas e a gente tentou salvar o máximo de vítimas possível. Neste caso foram três e foi muito bom”, explicou o agente, citado pela TVI 24.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: TVI · Crédito foto: TVI