Notícias : Pais espancam brutalmente o filho de 16 anos que tentou violar a prima de 3 anos

Pais espancam brutalmente o filho de 16 anos que tentou violar a prima de 3 anos

Todos os detalhes no interior.

Publicado por Vamos lá Portugal em Notícias
Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Os pais que moram na cidade de Compiègne foram condenados a vários meses de prisão depois de atacarem o filho de 16 anos, que tentou violar a prima de 3 anos.

O Parisien conta a história desses pais que decidiram punir violentamente o filho de 16 anos que havia tentado violar a prima de 3 anos. Foi a mãe da menina que descobriu o adolescente nu na casa de banho com a filha que estava já sem cuecas. Uma verdadeira visão de horror. Ela foi a correr chamar a mãe do rapaz para avisá-la do que acabara de acontecer. Ele decide sair às pressas, mas é encontrado pelo pai, que o leva para casa.

Quando voltou para casa com o filho, o pai pediu que ele tirasse a camisola e os óculos, diz o Parisien. Posteriormente, ele decide atingi-lo com um cinto nos braços e coxas. Saber que o filho tinha feito aquilo deixou-o louco de raiva. Foi então a vez da mãe lhe bater duas vezes. Ambos os pais justificam as suas ações violentas pelo fato de o filho não perceber a seriedade da situação.

Podemos entender facilmente o porquê de tanta revolta com o gesto do rapaz, mas justiça censura-os por terem agredido o filho a tentar fazê-lo entender que ele tinha feito algo muito mau, diz o Parisien. A justiça acredita que eles poderiam tê-lo feito entender de outra maneira que ele havia feito algo errado. Portanto, o Tribunal Penal de Compiegne condenou a mãe a 4 meses de pena suspensa e o pai a 5 meses. O diário especifica que eles também terão que fazer um curso de responsabilidade parental.

Quanto ao menino de 16 anos, o Parisien indica que ele foi colocado numa casa. Foi aberta uma investigação para entender o que exatamente aconteceu naquele dia com a sua prima de 3 anos.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: Ayoye
Crédito foto: Ayoye

Goste/partilhe