O que aconteceu a este emigrante Português é revoltante

Emigrante brutalmente agredido foi salvo nos últimos minutos

Partilhar no Facebook
1,021 1.0k Partilhas

Um Português de 30 anos, viajava da Suíça para Portugal quando numa estação de serviço perto de Bordéus (França) foi assaltado e deixado para morrer.

O português teria parado para descansar numa área de serviço, quando foi surpreendido por um grupo de três ou quatro homens, que o manietaram e roubaram o carro. 

O jovem foi agredido e depois atirado para fora da viatura com a mesma em andamento, sendo encontrado horas depois, na berma da estrada, de mãos e pés atados e um saco de plástico na cabeça. 

Terá sido por poucos minutos que escapou à morte por asfixia. Ontem, o emigrante português continuava hospitalizado, mas já fora de perigo. Os agressores ainda não foram localizados pela polícia francesa.

A estrada RN141, que liga Limoges a Bordéus é conhecida pela estrada da morte, onde em 2016 perderam a vida 12 portugueses que  viajavam, ilegalmente, da Suíça para Portugal.

Os camionistas alertam para ataques que têm acontecido nas estradas francesas e que na maior parte dos casos são desvalorizados pelas autoridades.

Partilhar no Facebook
1,021 1.0k Partilhas

Fonte: www.cmjornal.pt · Crédito foto: www.cmjornal.pt