Mulher de Schumacher fala do estado de saúde do piloto

“É um lutador”

Partilhar no Facebook
1,101 1.1k Partilhas

Corinna Schumacher, esposa de Michael Schumacher, fez uma recente revelação acerca do estado de saúde do piloto, depois do grave acidente que sofreu em 2013, na estância de Méribel, enquanto esquiava com o filho.

Corinna escreveu uma carta, onde faz algumas revelações, ao músico alemão Sascha Herchenbach, que compôs uma música dedicada ao heptacampeão do mundo de F1, chamada "Born to Fight".

Herchenbach enviou a música a Corinna e recebeu uma mensagem onde se podia ler: "agradeço a tua mensagem e este bonito presente que nos ajudará nestes momentos tão difíceis". Mas aquilo que está a emocionar mais os fãs de "Schumi" é o que Corinna escreveu a seguir: "Sabemos que o Michael é um lutador e que não vai desistir".

A carta só agora foi tornada pública mas ninguém sabe ao certo quando poderá ter sido escrita, já que esta música foi escrita em 2014, aproximadamente um ano depois do acidente de Schumacher.

O ex-piloto alemão continua a receber tratamento em Gland, na Suíça, na sua casa, onde é seguido diariamente por uma equipa de 15 médicos. Há quem diga que os cuidados médicos de "Schumi" custem qualquer coisa como 135 mil euros semanais.

Apesar da "fuga" de informação, a "manager" de Michael Schumacher, Sabine Kehm, continua a ser a porta-voz oficial da família do piloto. Recentemente veio a público desmentir que "a família Schumacher não tem prevista uma mudança para Maiorca".

Outras notícias sobre Michael Schumacher:

A família de Michael Schumacher espera um milagre porque acredita que o piloto está a tentar “enviar sinais”.

A mídia na Alemanha relatou que Michael Schumacher estaria a enviar sinais para a sua família. De fato, explica que ela está à espera de um "milagre médico".

Um amigo da família disse à mídia que o famoso piloto, que ainda se encontra em Genebra, na Suíça, enviaria sinais do seu "mundo distante".

A mulher e os dois filhos do piloto esperam que um milagre aconteça.

Em 2013, após um acidente de esqui, o piloto teve que ser colocado em coma durante 6 meses.

Coágulos sanguíneos foram removidos do seu cérebro, mas alguns não puderam ser removidos devido à sua localização.

Após o período de coma forçado, Schumacher foi trazido de volta para sua casa, mas o homem nunca mais foi capaz de falar ou de se mover.

Uma equipe de 15 especialistas observa-o constantemente.

O valor de Schumacher foi estimado em mais de US $ 500 milhões antes do seu acidente.

Grande desenvolvimento em relação ao estado de Michael Schumacher

Há quatro anos, Michael Schumacher ficou gravemente ferido durante um acidente de ski em Méribel (França).

Vítima de grave traumatismo craniano, o ex-campeão de Fórmula 1 foi tratado durante vários anos em sua casa em Gland, na Suíça. Mas isso pode mudar em breve...

Dado como muito fraco, o seu estado neurológico não terá mudado muito nos últimos quatro anos. É por isso que a sua família consideraria transferi-lo para Dallas, Texas, onde o ex-piloto tem um rancho.

"Temos uma experiência significativa com pacientes com traumatismo craniano. Nenhuma clínica na Europa tratou tantos casos semelhantes ao de Schumacher do que a nossa ".

Desde 2013, muitos rumores têm saído sobre o estado de saúde de Michael Schumacher. A família optou por não divulgar informações ou fotos.

Esperemos sinceramente que esta mudança lhe possa melhorar a saúde!

Partilhar no Facebook
1,101 1.1k Partilhas

Fonte: Standard · Crédito foto: Standard