Menino de apenas 21 meses morre ao cair de janela

Bebé fugia da mãe para não ir para a cama quando tudo aconteceu.

Partilhar no Facebook
530 530 Partilhas

Os pais da criança que morreu depois de cair de uma janela da casa-de-banho enquanto fugia da mãe à hora de dormir disseram que o trágico acidente poderia ter acontecido com qualquer um.

Jayden Beckett subiu sobre o assento da sanita e, em seguida, sobre o parapeito da casa-de-banho antes de morrer na sua casa em Nutmeg Close, Earley em abril do ano passado.

O investigador forense de Berkshire, Peter Bedford, disse na quarta-feira, 1 de novembro, como a queda fatal foi testemunhada pelo pai, Jay Beckett, que estava do lado de fora da casa no momento em que tudo aconteceu.

O agente da polícia Leylah Marouf, fez um comunicado, o investigador forense disse: "Ele estava fora de casa a fumar e, pelo canto do olho, viu o que agora sabe ser Jayden a cair."

"Eu vi-o bater com a cabeça no chão primeiro. Eu gritei para a Stephanie e levei-o para o carro."

A família em pânico chamou uma ambulância, mas começou a conduzir o menino para o hospital Royal Berkshire nas proximidades. No entanto, durante trajeto a criança parou de respirar.

A Sra. Beckett disse ao agente da polícia: "Eu segurei-o no banco da frente do carro. Eu estava a falar com o serviço de urgência enquanto iamos para o hospital. Eles disseram-nos para parar o carro."

Jayden sofreu lesões cerebrais devastadoras e esteve ligado a uma máquina de suporte de vida, que acabou por ser desligada, declarando-se a morte da criança.  

Um inquérito foi aberto. "A conclusão a que cheguei é que foi um acidente. Gostaria de dizer que esta é uma situação em que todos os pais só podem ter simpatia e reconhecimento. A maioria das pessoas teria agido exatamente da mesma maneira e podia ter acontecido com qualquer pai", disse Bedford.

Partilhar no Facebook
530 530 Partilhas

Fonte: CM · Crédito foto: CM