Infeção mata homem que assassinou a filha com água a escaldar

Homem morreu 4 dias após estar internado

Partilhar no Facebook
640 640 Partilhas

Em 2014 este foi um caso que chocou o Portugal. Emanuel Mário mergulhou a sua filha de apenas 4 meses em àgua a escaldar. A bebé ficou com 50% do corpo queimado e com partes da pele a boiar.

Emanuel Mario foi condenado a uma pena máxima e estava numa ala mais reservada da cadeia, evitava ir ao pátio para evitar a fúria dos outros presos que já o tinham agredido várias vezes.

O homem coçou a sentir.se mal no final de Dezembro, apresentando um inchaço no pescoço. Quando o levaram ao hospital foi tarde demais, apesar de ter ficado internado resistiu apenas 4 dias.

A sua ex-mulher também encontra-se a cumprir uma pena de 18 anos, na altura Enquanto a filha gemia com dores, a mãe foi comprar carne, espumante e vinho. Durante as compras, o casal trocou mensagens de cariz sexual.

Partilhar no Facebook
640 640 Partilhas

Fonte: www.cmjornal.pt · Crédito foto: www.cmjornal.pt