Homem detido por abusar da filha de 13 anos sai da cadeia e mata a menina

A Polícia Civil de São Paulo realiza buscas na tentativa de localizar um homem de 28 anos...

Partilhar no Facebook
5,617 5.6k Partilhas

A Polícia Civil de São Paulo realiza buscas, desde a madrugada desta quarta-feira (3), para tentar localizar um homem de 28 anos apontado como responsável por matar a própria filha, uma adolescente de 13. Ele estava preso por ter abusado sexualmente menina e de uma cunhada e saiu da prisão terça (2). Letícia Tanzi Lucas foi esfaqueada e chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. A mãe da vítima também foi agredida pelo ex.

De acordo com o registo da polícia, uma viatura da Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de violência doméstica na cidade de São Roque, no bairro Mailasque. Quando chegaram ao local, os militares encontraram um menino de 6 anos na rua a pedir socorro. Segundo o relato, o menino dizia que o pai tinha matado a irmã dentro de casa.

Na residência, os policias encontraram a adolescente ferida e inconsciente na sala. Socorristas do Corpo de Bombeiros levaram-na para a Santa Casa, mas a menina não resistiu aos ferimentos. A mãe dela contou que o responsável pelo crime seria o pai da menina. Disse ainda que o homem deixou a prisão nesta terça, depois de estar preso durante cinco meses, e que ele foi detido por violar a menina e uma irmã dela, tia da menina, que tem problemas mentais.

A mulher explicou também que estava em casa com os dois filhos quando o homem chegou. Ele exigia que a família retirasse as denúncias de violação contra ele. A mulher contou ter sido agredida por estar com o telemóvel na mão pronta para ligar para a polícia. Ela relatou ter levado socos e que foi esganada. Na sequência, fugiu para pedir ajuda aos vizinhos e os filhos ficaram sozinhos com o homem. Foi então que agressor teria esfaqueado a mais velha.

Depois de cometer o crime, o homem fugiu e ainda não foi localizado. A mãe da adolescente, por sua vez, passou mal e precisou ser medicada. Ela será submetida a exames no Instituto Médico Legal (IML) por conta das agressões. O corpo de Letícia será enterrado no Cemitério da Paz, em São Roque.

Partilhar no Facebook
5,617 5.6k Partilhas

Fonte: globo · Crédito foto: globo