GNR apreende 96 mil peças de roupa à venda na feira que tinham sido doadas para Africa

​Roupa é de “marcas de renome”.

Partilhar no Facebook
2,203 2.2k Partilhas

Roupa é de "marcas de renome".

A IPSS está a ser investigada peça prática dos crimes de burla qualificada e de fraude fiscal.

No total a GNR apreendeu mais de 96mil peças de vestuário que foram avaliadas em 4,25 milhões de euros.

A GNR terá feito buscas em armazéns da instituição particular de solideriedade social, a quem tinham sido doadas as peças de roupa a serem enviadas para Africa por várias marcas de roupa. No entnato e segundo um comunicado da GNR a roupa era vendida em feiras. 

Segunda a GNR, a operação realizada terá ocorrido na sequência de outra operação realizada em Torres Vedras e Mafra no dia 4 de Setembro, onde terão sido apreendidos 200mil euros em peças de roupa.

Partilhar no Facebook
2,203 2.2k Partilhas

Fonte: RR · Crédito foto: RR