Filha menor de bombeiro falecido é notificada para pagar 1400 Euros de despezas judiciais

Vergonhoso!

Partilhar no Facebook
20,518 20.5k Partilhas

Não há forma de explicar como é que isto é possível num país civilizado…

O Facebook “Diário de um bombeiro” publicou o seguinte texto ontem:

“A Ana Rita Pereira morreu ao serviço do país no Caramulo em 2013 deixando orfã uma menina de tenra idade! É lamentável, vergonhoso, indecente e ofensivo para todos os bombeiros que a sua filha seja notificada a pagar mais de 1400 euros em custas judiciais. ”

E publicou ainda esta imagem:

É assim que o país trata um bombeiro?!

O post original pode ser visto aqui:

Partilhar no Facebook
20,518 20.5k Partilhas

Fonte: ayoye · Crédito foto: ayoye