Empregada foi torturada durante 10 anos pela patroa’ no Porto

Mulher é torturada após perder bolsa com droga

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Empregada foi torturada pela ‘Rainha da Droga’ no Porto

A empregada de limpeza da mulher conhecida como a  ‘Rainha da Droga’ do bairro Pinheiro Torres, Porto,  foi torturada durante 10 horas pela própria patroa. A ‘Rainha da Droga’ e o seu companheiro elaboraram um plano para torturar a empregada por esta ter "perdido" uma bolsa de mão que  continha droga ainda por cortar e que tinha aceitado guardar durante três dias.

Os arguidos obrigaram a mulher a entrar num carro, espancaram-na a murro e pontapé, golpearam-na com uma chave de parafusos e de pneus, atingiram-na com um pau até este se partir e ameaçaram-na com uma faca encostada ao pescoço. A mulher perdeu os sentidos vários vezes.

A funcionária foi levada às 20h00 de 2 de julho de 2016 e só foi abandonada, já inanimada, na travessa de Recarei, em Leça do Balio, Matosinhos, pelas 06h00 do dia seguinte.

A ‘Rainha da Droga’, o filho e o companheiro foram agora acusados dos crimes de coação, tráfico de estupefacientes, sequestro agravado e ofensas à integridade física qualificada.

Ainda assim estão todos em liberdade.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: www.cmjornal.pt · Crédito foto: www.cmjornal.pt