Ele uniu o útil ao agradável e alavancou as suas vendas! Veja que ideia genial.

Jovem de Amarante planta árvores por cada par de botas que vende

Partilhar no Facebook
37 37 Partilhas

Ele uniu o útil ao agradável e alavancou as suas vendas! Veja que ideia genial. 

Cada um faz o seu marketing de vendas de um jeito. Uns tem mais sucesso do que outros devida a inteligência e psicologia que usam para alcançar os resultados que desejam. No caso de Carlos Gonçalves, 23 anos, a preocupação dele sempre foi com o meio ambiente, e por isso ele resolveu unir o útil ao agradável. Ele confecciona botas artesanais e suas vendas não iam muito bem até que ele teve uma ideia que intitulou "Walkest - WalkbyForestest", e conseguiu o apoio da associação ambientalista Quercus, e se aliou a "Indiegogo", plataforma internacional na Internet de recolha de fundos para projetos ou ideias.

A ideia foi premiada na "Tâmega Sousa Empreendedor", na categoria "Ideias com futuro". E teve a ajuda do programa de aceleração de competências "Jump Box", em Amarante.

Ele promete plantar duas árvores a cada bota vendida e já existem quatro protótipos de um modelo de bota em couro, concebido de raiz, produzido na zona da Benedita (Alcobaça), de forma totalmente artesanal.Esses protótipos, são a base da campanha de imagem já realizada, o material em vídeo e fotografias pode ser visualizado na plataforma de angariação de fundos "Indiegogo".

Quem se interessar pode fazer a compra no portal por 75 euros cada par, em forma de doação.Outros objetos também estão à disposição no portal, ou simplesmente podem fazer uma doação.

O objetivo é conseguir atingir os 15 mil euros e com o valor angariado dar início à produção de botas 100% artesanais.

Se tudo correr bem, Carlos Gonçalves pretende que os primeiros pares comecem a ser enviados aos compradores em meados de novembro. Cada comprador receberá uma fotografia do momento da plantação das árvores, que serão "batizadas" com o nome dos compradores, e a localização por GPS.

Carlos quer que o projeto rode o mundo todo, e quer expor o conceito "Walkest" em feiras em vários pontos do mundo onde participam as empresas exportadoras da região.

Partilhar no Facebook
37 37 Partilhas

Fonte: JN · Crédito foto: JN