Ele lança o cão sobre muçulmanos e ordena que ele os morda!

Mas para onde vai o mundo?

Partilhar no Facebook
389 389 Partilhas

Ele lança o cão sobre muçulmanos e ordena que ele os morda!

Um homem de Manchester, que supostamente ordenou o cão atacar dois muçulmanos durante uma crise de racismo, foi preso.

O bull terrier de Jakuw Wendland mordeu um homem e deixou uma mulher em estado de choque.

Durante um dos ataques, ele teria gritado "Morde-o, morde-o". Eles matam pessoas. Vá em frente, morde o muçulmano. "

O polaco que nega ser racista passará dois anos e meio atrás dos bares.

Bakhtshire Rehman, uma das vítimas, foi mordida no dia 25 de junho enquanto retornava de uma mesquita pela manhã.

Ele viu Wendland perto de uma paragem de autocarro, segurando a coleira do cão e uma garrafa de cerveja. 

O Sr. Rehman tentou afastar-se, mas Wendland atacou-o com o seu cão, que repetidamente mordeu o homem, sendo depois atingido por Wendland.

Wendland entrou num autocarro para o centro de Manchester, onde atacou a próxima vítima duas horas depois.

Sundus Mirza, de 28 anos, estava a caminho do trrabalho por volta das 12h50. A jovem com um medo terrível de cães afastou-se de Wendland e do seu cão, quando o cão começou a segui-la antes de dizer ao animal que a mordesse. "Vai em frente, morde-a, morde-a". Eles matam pessoas, morde-a. "

A sra. Mirza gritou por ajuda e os transeuntes vieram em seu socorro. Wendland deixou a cena.

A polícia foi contactada e Wendland foi encontrado intoxicado. Durante sua prisão, ele cuspiu em dois oficiais e ameaçou matá-los e às suas famílias.

Partilhar no Facebook
389 389 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye