Dois homens foram fusilados por violar e matar menina de 12 anos

Todos os detalhes no interior ...

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Dois homens condenados por sequestro, violação e assassinato de uma menina de 12 anos foram fusilados no norte da Somália. Uma história que está a dar muito que falar.

É o Daily Mail que relata esta notícia que será em breve dará a volta à web. Na Somália, Abdifatah Abdirahman Warsame e Abdishakur Mohamed Dige foram fusilados depois de violar e matar Aisha Ilyaas Aden, uma menina de 12 anos em fevereiro de 2019. Um terceiro homem esteve envolvido nesse caso mas não foi fusilado.O jornal britânico explica que ela foi sequestrada num mercado, depois foi violada e estrangulada até à morte perto da cidade de Galkayo, onde morava com a sua família.

Infelizmente, o jornal britânico relata que a violência sexual contra meninas menores de idade se tornou comum em parte da Somália e particularmente no lado de Puntland, a região onde o corpo de Aisha Ilyaas Aden foi descoberto. A sua história parece ter mudado completamente o país. O desaparecimento trágico desta jovem não deixou ninguém indiferente e parece que era importante para os somalis que justiça fosse feita.

O Daily Mail relata que em 2016, Puntland foi a primeira região da Somália a aprovar uma lei sobre crimes sexuais. O jornal britânico especifica que criminaliza violação, assédio sexual e crimes sexuais na web.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: Ayoye · Crédito foto: Ayoye