Após “ser provocado” Rotweiller morde mulher em restaurante

Animal terá sido provocado

Partilhar no Facebook
531 531 Partilhas

Um cão Rotweiller considerado de raça perigosa mordeu uma senhora no braço no restaurante "O João" em Setúbal.

A dona do animal falou sobre como tudo aconteceu e disse que o cão mordeu a senhora após ter sido provocado pelo companheiro da vitima com um guarda-chuva.

"Na sexta-feira, perante um aguaceiro, o casal entrou no restaurante, mesmo estando este com as portas encerradas".

"O Alpha estava no interior do restaurante e como estava fechado não foi necessário colocar o açaimo", diz Vanessa Ribeiro, que garante que cumpre a lei da utilização de meios de contenção para os cães de raça potencialmente perigosa na via pública, um açaimo e uma trela com comprimento inferior a um metro.

A prever o pior o funcionário pediu para o casal sair:

"Alertei o casal para sair do restaurante, mas não acataram a minha ordem"

"A mulher retraiu-se e o cão estava a cheirá-la quando o homem tentou afastá-lo com um guarda-chuva, o que fez com que mordesse o braço dela".
O funcionário afastou o cão do casal, mas ainda assim o homem continuou a atiçar o Alpha com o guarda-chuva. 
A dona do animal surgiu de seguida, levando o cão para a rua, tratou das feridas e telefonou para o 112.

Partilhar no Facebook
531 531 Partilhas

Fonte: www.jn.pt · Crédito foto: www.jn.pt