ADN de fezes de cão analisado para multar donos descuidados

Município quer responsabilizar donos

Partilhar no Facebook
2,427 2.4k Partilhas

Deixar as fezes do cão no chão dá multa em muitas cidades europeias, mas existe um município espanhol que vai mais longe.

Parets del Vallès é um municipio na região de Barcelona que vai analisar os excrementos dos animais através da análise genética para multar os donos.
Este projeto é caro, mas é a única forma de identificar os donos de cão que não cumprem as regras.

"Vimos que este tipo de iniciativas já são levadas a acabo nos EUA, onde as pessoas em algumas localidades têm que apresentar a identificação genética do animal de estimação", disse ao "La Vanguardia", Oscar Ramírez, diretor do projeto.

A cidade desenvolveu uma campanha de apoio aos habitantes para registarem o ADN dos animais. "Passamos dos 700 animais inscritos para mais de 1200".
"Quando nos chega uma amostra, a primeira coisa que fazemos é comprovar se tem um ADN único", explica Ramírez. "É que pode acontecer que um outro animal tenha urinado em cima da amostra, invalidando, assim, a prova", refere.

Desde o inicio já foram recolhidas 8 amostras"Quando nos chega uma amostra, a primeira coisa que fazemos é comprovar se tem um ADN único", explica Ramírez. "É que pode acontecer que um outro animal tenha urinado em cima da amostra, invalidando, assim, a prova", refere.

Partilhar no Facebook
2,427 2.4k Partilhas

Fonte: www.jn.pt · Crédito foto: www.jn.pt