Trabalhadores da RTP revoltados com o aumento salarial de Fernando Mendes

“ESPETÁCULO!”

Partilhar no Facebook
231 231 Partilhas

A Comissão de Trabalhadores da RTP está indignada com Conselho de Administração da mesma, tudo por causa do aumento recente do salário do apresentador Fernando Mendes, situação que não aocntece com nenhum dos outros trabalhadores há mais de 10 anos.

A Comissão de Trabalhadores  publicou um comunicado no facebook onde criticou esta situação referindo que:  "o mercado da televisão entrou numa filosofia de tipo futebolístico na sequência da transferência" de Cristina Ferreira da TVI para a SIC "por verbas difíceis de entender" e agora a RTP entrou no mesmo caminho ao renovar contrato e aumentar o salário de Fernando Mendes para valores a rondar os 20 mil euros por mês.

No entanto a Comissão de Trabalhadores  refere que não é "a avaliação do merecimento destes valores" que põe em causa, mas sim "o tratamento justo e equitativo daqueles que dão tudo pela RTP" e que não são aumentados "há mais de dez anos".

A CT termina o comunicado com uma questão dirigida à Administração da RTP: "Se a RTP gastou menos do que se esperaria no no último ano e na Eurovisão", "vai atingir resultados positivos" e "pode aumentar apresentadores entrando na loucura televisiva deste verão, porque é que não pode fazer reenquadramentos profissionais dos seus trabalhadores?".

Veja o comunicado na íntegra:

Fernando Mendes diz não à TVI e recebe aumento milionário na RTP

A TVI tentou fazer uma grande contratação e roubar Fernado Mendes à RTP, mas levou uma grande negativa. Fernando Mendes era pretendido pela TVI, no entanto recebeu proposta milionária, não quis arriscar.

A RTP por seu lado é que não accriscou, e aumentou o apresentador do «Preço Certo» para 20 mil euros mensuais. O contrato só termina no fim de 2019 e tem uma clausula de rescisão bilateral.

No entanto a TVI não desiste e tem mais um nome na cabeça, Filomena Cautela, seria o nome escolhido para apresentar o ‘Apanha Se Puderes’.

Homem vai ao preço certo e revela que é carteirista profissional

O "Preço Certo" viveu mais um momento caricato quando um concorrente revelou que em tempos a sua profissão foi "carteirista".

Fernando Mendes questionou ainda se o senhor roubava mais notas ou moedas "A gamar é que a gente se entende. Era mais moedas ou notas?".

Entre risos da plateia o concorrente confessou ainda que já não trabalhava porque o juiz não deixa, mas revelou que "gamava pouco"  e que "não dava para viver".

No final Fernando Mendes fez uma piada "Não roubes o microfone que depois faz falta para amanha".

Fernando Mendes já conseguiu emagrecer. Saiba quantos quilos já perdeu

Apresentador está numa luta contra o peso

Fernando Mendes, apresentador da RTP é conhecido carinhosamente como "O Gordo". No entanto devido a questões de saúde o apresentador entrou numa dura guerra contra o peso e a verdade é que tem conseguido reduzir a pressão que faz na balança.

Aos 55 anos, Fernando Mendes começou a ficar preocupado com a sua saúde já que tem excesso de peso e o seu pai terá morrido muito cedo (42 anos) devido a questões relacionadas com o peso.

O apresentador está satisfeito com os resultados que tem obtido, já que revelou orgulhosamente que  "Já perdi 12 quilos".

"Isto afinal é muito simples: é cortar no pão, não beber álcool e ter cuidado com a alimentação", revela o apresentador, que sempre mostrou ser um excelente garfo e ter amigos em quase todos os restaurantes nacionais.

Para comprovar que não tem cortado só na alimentação, Fernando Mendes tem partilhado vídeos no ginásio em que mostra todo o seu esforço para continuar a emagrecer.

Mais uma sessão de treino.. Para aqueles que não acreditam que eu vou ao Ginásio???, fica aqui um pequeno vídeo.” escreveu Fernando Mendes numa das suas últimas publicações.

O apresentador do "Preço Certo" confirma assim com este vídeo que com uma alimentação mais saudável e exercício físico  é fundamental para a perda de peso, assim como para o bem estar.

Partilhar no Facebook
231 231 Partilhas

Fonte: JN · Crédito foto: JN