Polémica: Filho da cantora Ágata julgado por violação a menor

Filho de Ágata acusado de violação

Partilhar no Facebook
103 103 Partilhas

Polémica: Filho da cantora Ágata julgado por violação a menor

Marco de Sousa Caneira de 38 anos é o filho mais velho da conhecida cantora "Ágata". Marco está a ser alvo de julgamento no tribunal de Ponta Delgada, nos Açores por uma alegada violação a uma jovem de 14 anos.

O crime terá acontecido na Povoação em 2016 no final de uma festa popular na mesma localidade. O filho de Ágata começou a ou a ser julgado durante a manhã desta terça-feira, trabalhos judiciais que vão prosseguir na próxima quinta-feira, segundo a  fonte que contou ao CM. 

Marco de Sousa Caneira está a ser acusado pelos crimes de violação agravada, tentativa de pornografia de menores agravado e pelo crime de importunação sexual. 

Não é a primeira vez que ele vai a tribunal por questões relacionadas com  assunto. Anteriormente Marco já foi condenado a pagar uma indemnização de 10 mil euros à antiga namorada depois de ter tornado publico um  filme de sexo caseiro feito de forma consentida pelos dois.

Marco terá divulgado o vídeo em várias páginas da internet dedicadas ao negócio da pornografia, sem conhecimento e autorização da namorada.

Outros artigos:

Ágata deixa portugueses perplexos com candidatura a cargo politico

Foi a própria que contou a boa nova através de um comunicado, no passado domingo dia 13 de Agosto.

A cantora vai enveredar por uma carreira  política sendo a nova candidata à vice-presidência da Câmara Municipal de Castanheira de Pêra.

“Comunicado (Todos Por Castanheira):

Queridos amigos (as) fui convidada a fazer parte de uma lista independente apoiada pelo CDS/PP para Vice presidente à Câmara de Castanheira de Pêra. Estou pronta para mais um desafio na minha vida,uma nova faceta onde espero dar o meu melhor. Não posso ficar indiferente às carências e necessidades de um povo que sofreu uma tragédia que chocou o país inteiro, para além de cantora não deixo de ser um ser humano .... posso não perceber muito (ou nada) de política mas,sou uma mulher do povo e sei muito bem das necessidades de quem me rodeia ....por isso aceitei este convite apenas pensando em ajudar algumas famílias trazendo lhes conforto,esperança e algumas alegrias.”

Logo depois de ter publicado o comunicado, Ágata partilha uma fotografia ao lado de Assunção Cristas, Presidente do CDS-PP e candidata à Câmara Municipal de Lisboa nas eleições autárquicas de 2017.

Ágata relata o momento doloroso em que fez um aborto!

Numa entrevista que vai relevar muito sobre a cantora Ágata, Daniel Oliveira voltou a partilhar um momento da entrevista.

A cantora contou como foi um dos momentos mais dificieis da sua vida, quando fez um aborto clandestino

“Colocavam éter no nosso nariz, sentia falta de ar... era numa casa normal, foi numa cozinha, imagine! Numa marquesa que a parteira tinha na cozinha…", descreve Ágata.

Daniel oliveira mostrou-se muito impressionando com a historia de Ágata:

“O trauma que tantas mulheres tiveram ao longo de décadas, de abortar na clandestinidade, relatado na primeira pessoa por Ágata, na altura uma jovem a viver sob a autoridade materna e tomada por um grande amor. Um testemunho de vida brutal”, afirmou.

Partilhar no Facebook
103 103 Partilhas

Fonte: www.cmjornal.pt · Crédito foto: www.cmjornal.pt