Concorrente de “Casados à primeira Vista” Hospitalizado

Concorrente hospitalizado em Coimbra

Partilhar no Facebook
84 84 Partilhas

Concorrente de "Casados à primeira Vista"  Hospitalizado

A revista TVMais desta semana revela que um dos concorrentes do programa de sucesso da SIC teve de ser hospitalizado. Trata-se de João Fernandes, concorrente de Coimbra. 

Queixas relacionadas com a respiração levaram-no a dar entrada no hospital universitário de Coimbra, onde  teve um quadro clínico inicial que apontava novamente para uma pneumonia, mas acabou por ter alta.

Em 2015, João também esteve hospitalizado com uma pneumonia associada à asma.

Artigos relacionados com o programa "Casados à primeira vista"

Desmascarada! As verdadeiras razões que levam Ana de 'Casados' a aguentar Hugo

Os telespectadores  do programa "Casados à primeira vista" estranhavam o facto de Ana se manter firme em todas as cerimonias e continuar com o casamento. 

A instrutora de fitness não suporta o marido que lhe foi "arranjado" e nada faz para o esconder. As discussões eram diárias, os desentendimentos e a falta de cumplicidade uma constante, mas ainda assim Ana ia mostrando vontade em permanecer ao lado de Hugo. Porquê?

Ao que parece, Ana não se inscreveu no programa para encontrar o amo, mas sim para ser conhecida e impulsionar a sua carreira artística.

"Não foi para o programa por ter dificuldade em encontrar o amor, foi para se promover. Sempre quis ser famosa. Gosta desse mundo e esse é o seu objectivo", avança a fonte à revista 'Maria'.

Bronca: Noivos de "Casados" acusam SIC de manipulação

Os noivos do programa transmitido na SIC "Casados à primeira vista" não podem contar o que  se passou durante o programa, caso contrario terão de pagar uma multa no valor de 100 mil euros

Este silêncio a que são obrigados desagrada os concorrentes que imaginaram um cenário bastante diferente na altura em que se candidataram a encontrar um noivo/noiva.

"Eles, quando se inscreveram, pensavam que isto ia ser uma espécie de ‘Big Brother’", conta a mesma fonte. "Pensavam que iriam estar nas suas vidas, cada casal em sua casa, e que haveria câmaras. Comentavam muito que não estavam à espera que lhes entrasse uma equipa pelo apartamento dentro, quando fosse combinado".

Segundo a mesma fonte,  "eles culpam muito o formato pelo fracasso dos casamentos. O que eles dizem é que não tinham intimidade nenhuma nem podiam ser naturais, e que isso quebrou qualquer romantismo que pudesse haver".

Noivos proibidos de falarem... Caso contrario pagam 100 mil  euros de multa

Quando os concorrentes do programa "Casados à primeira vista" aceitaram participar no programa tiveram de assinar um contrato. Agora têm de seguir esse contrato, caso contrario podem ter de pagar uma multa de 100 mil  euros.

Segundo a imprensa mesmo depois dos concorrentes terminarem as gravações do programa continua a ser uma missão impossível falar com eles. 

Familiares e amigos também são contactados no entanto existe sempre uma ma barreira de silêncio intransponível. "Obviamente, eles assinaram um contrato que tem as suas cláusulas", explicou uma fonte da SIC.

Uma das cláusulas diz respeito ao silêncio dos noivos: "Se sair alguma coisa cá para fora do que se passou com eles, durante o programa, pagam uma multa de 100 mil euros! Isso justifica o silêncio, até porque não é nada em relação ao que lhes é pago [250 euros semanais, acrescidos de despesas]". Assim sendo, é natural que familiares e amigos também não façam comentários, ou porque não sabem, ou porque têm medo de os prejudicar".   

Partilhar no Facebook
84 84 Partilhas

Fonte: dioguinho.pt · Crédito foto: dioguinho.pt