Casados à Primeira Vista. Este é o homem ideal para Cristina Ferreira

Conheça o homem ideal para Cristina Ferreira

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Casados à Primeira Vista. Especialistas definem o homem ideal para Cristina Ferreira

Conheça o homem ideal para Cristina Ferreira

O programa  ‘Casados à Primeira Vista’ na SIC, começa a segunda temporada já neste domingo e os especialistas estiveram hoje na «casa» de Cristina Ferreira para falarem no programa.

Os especialistas fizeram ainda uma leitura sobre o qual é o homem ideal para Cristina Ferreira. 

Alexandre Machado,  pós ter lido um questionário preenchido por Cristina Ferreira e de ter assistido a várias entrevistas suas descreveu o homem que Cristina Ferreira precisa de ter a seu lado.

 “Uma pessoa segura dele próprio e que transmita segurança. A Cristina precisa de sentir segurança. Tem que se atlético. Tem que ser altamente sofisticado e culturalmente evoluído. Para ser mais fácil, arranjei uma pessoa que é o ‘tipo’, para termos uma visualização da pessoa, da personagem”.

Tem que ter flexibilidade da resolução de problemas, tem que ser alguém fora do seu circuito, que não esteja ligada ao seu meio, fora da televisão, moda, o que for. Tem que ter boa leitura das emoções e boa tolerância à frustração”, acrescentou ainda.

Cristina Ferreira foi concordando com todas as características que o especialista foi referindo.

Outros artigos:

Cristina Ferreira admite: Tem maminhas de cabritinha 

Cristina Ferreira voltou a falar de mamas no seu programa. A apresentadora voltou a reforçar que as suas maminhas cresceram depois dos 40 «não tinha maminhas quase nenhumas mas aos 40 cresceram».

A apresentadora fala ainda nos Globos de Ouro, quando o vizinho disse:

"A Carolina Carvalho tem maminhas de cabritinha, estás a perceber?"

Cristina respondeu: "Estou porque eu tenho mamas de cabritinha. Como são as tuas?", disparou para Joana Barrios, que também estava em estúdio. 

Envergonhada, acabou por ficar em silêncio... mas Cristina continuou: "Vamos lá falar de maminhas. Redondinhas, estou a falar de mamas ao léu, sem nada... as redondinhas são as perfeitinhas, depois há aquelas até cá abaixo, há as espetadinhas e depois há aquelas de cabritinha. As minhas sempre foram de cabritinha, não tem nada a ver com dar de mamar, acho lindo!", garantiu.

Joana Barrios disse que nunca teve maninhas e a apresentadora tranquilizou-a dizendo que também não tinha maminhas quase nenhumas até aos 40, depois cresceram.

Cristina Ferreira: Cansaço obriga apresentadora a mudar de vida

Se a vida de Cristina Ferreira era agitada quando estava na TVI, quando se mudou para a SIC a sua vida transformou-se numa verdadeira azáfama.

O último ano tem sido caótico para a apresentadora mais bem paga da televisão portuguesa, por isso pondera mudar a sua vida. 

Para evitar que a ansiedade e o stress tomem conta dela, a estrela da SIC pondera mudar radicalmente de vida. Esse processo passa pela prática de novos modelos de relaxamento.

"Eu, que nunca achei graça ao ioga e à meditação, começo a achar que é um bom momento para experimentar tudo isso, para tentar perceber até que ponto respirar me pode ajudar a encontrar esse equilíbrio", disse em declarações à revista 'Caras'.

Consciente de todos os esforços e ciente de que o corpo nem sempre corresponde aos seus comportamentos, a estrela da SIC decidiu aceitar o seu corpo e parar de lutar pelo corpo ideal: "Sei o caminho que estou a construir. Não mudava uma vírgula. Não há vidas fáceis. Há vidas com particularidades. E a minha tem muitas. Porque eu quero. Porque foi escolha minha. Porque sou mesmo muito feliz", afirmou. 

 E se Cristina Ferreira perder o sucesso? A resposta da apresentadora

Cristina Ferreira é uma apresentadora de sucesso que mostrou conseguir brilhar sozinha. Prova disso foi a sua mudança para a SIC, fazendo o seu programa líder desde o primeiro dia. 

Já a TVI, embora nunca tenha admitido, perdeu a sua principal estrela e o resultado foi a perda total de audiências. 

A revista Caras questionou Cristina Ferreira sobre o facto de algo algo começar a correr mal e tudo desabar?

Não [tenho receio], nem medo de nenhum de perder, de arriscar, de me desafiar (…) Sei que neste meio sempre que cometo um erro ele é imediatamente replicado e apontado, mas tenho a consciência completamente tranquila em relação ao trabalho que estou a fazer”, esclareceu.

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: dioguinho.pt · Crédito foto: dioguinho.pt