Um homem vê cães em cima de uma manta, depois ouve um choro e quando se aproxima, o seu coração para.

Foi um dia que ele nunca esquecerá

Partilhar no Facebook
752 752 Partilhas

Todos nós sabemos como os cães conseguem ser tão leais. Parece ser um hábito deles. Por vezes, é essa lealdade que salva vidas. Tal como nesta história.

Ulnas Chowdhury, um professor numa instituição locar, estava a passear pelo bosque perto da sua casa. Ele estava a apreciar o relaxamento e os sons pacíficos da natureza. Mas esses sons foram interrompidos rapidamente por um barulho que deixou-lhe “cair o coração”. Ele ouviu o choro de um bebé.

Ulnas já estava habituado ao percurso que estava a fazer, pois ele fazia-o regularmente, pelo que não estava à espera de ouvir um bebé.

Ele apercebeu-se de que o som vinha dos arbustos. Mas, ao aproximar-se, ele vê 4 cães. Após uma investigação, ele viu que estes 4 cães estavam a proteger alguma coisa. Uma bebé, embrulhada numa pequena manta cor-de-rosa. Parecia que eles tinham estado a cuidar dela, a mantê-la quente.

Os cães começaram a ladrar e a abanar as caudas, como se estivessem felizes por, finalmente, alguém ter chegado para ajudar a bebé.

Os cães sentaram-se perto da bebé e não saíram do seu pé. O professor decidiu ir chamar alguns dos seus vizinhos. Um dos vizinhos, Parveen Sen, pegou na bebé e começou a dar-lhe leite. A bebé parou de chorar.

Começaram todos a voltar para a casa de Ulnas e esperaram lá até a polícia chegar. E os cães seguiram-nos, recusando-se a deixar a bebé.

Estes cães sentiram a necessidade de proteger a bebé, mesmo após esta ter sido entregue à polícia, eles pareceram continuar preocupados com o seu bem-estar. Ficaram todos surpreendidos com a lealdade que os cães tinham. Eu estou, no mínimo, impressionado.

Tudo o que sabemos é que a bebé está agora em boas mãos. Estamos felizes por ela ter sido encontrada antes que fosse demasiado tarde e ainda mais agradecidos por estes cães terem cuidado dela!

Se está agradecido pela lealdade destes cães e deseja o melhor à pequena bebé, partilhe esta publicação!

Partilhar no Facebook
752 752 Partilhas

Fonte: gladwire · Crédito foto: gladwire