Mergulhador fica cara a cara com a maior serpente do mundo

Um gigante tão gentil!

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Quando uma serpente gigante lambe a lente da sua câmera, provavelmente é hora de sair da água. Mas não para Bartolomeo Bove, um mergulhador profissional e cinegrafista subaquático.

Em julho, Bove viajou para o outro lado do mundo para nadar com a maior serpente viva - a anaconda verde. 

Esses enormes predadores geralmente vivem em pântanos, lagos e córregos escuros na América do Sul. Mas o rio Formoso, no Brasil, oferece águas cristalinas, tornando-o o único lugar no mundo onde as pessoas podem mergulhar com anacondas.

Bove e o seu parceiro de mergulho, Juca Ygarape, encontraram uma dessas criaturas graciosas à espreita na água - uma fêmea, com aproximadamente 9 metros de comprimento e pesando quase 200 quilos. 

A enorme cobra não-venenosa era alternadamente brincalhona e desinteressada nos homens que nadavam nas proximidades. Ela inspecionou a câmera e nadou pelo o rio.

O encontro de Bove com a anaconda mostra um lado raramente visto da serpente temida: "A anaconda nadou calma e pacificamente, completamente indiferente à nossa presença", disse Bove ao The Dodo. 

"Às vezes ela aproximava-se, curiosa sobre a minha câmera, lambendo a lente."

"O comportamento da anaconda desmascara o mito de que é uma criatura agressiva e violenta que pode pôr em risco a vida das pessoas", acrescentou Bove. 

Embora o mergulho de Bove tenha sido agradável, os anacondas ainda devem ser tratadas com cuidado. A anaconda verde atinge o seu tamanho enorme com uma dieta da vida selvagem local, como capivaras, porcos selvagens, pássaros, tartarugas e, às vezes, onças-pintadas.

A anaconda envolve o seu corpo enorme em torno de um animal, apertando e afogando a sua presa antes de engolir o animal inteiro.

"É sem dúvida um predador extremamente forte e a maior de todas as serpentes que podem reagir se ameaçadas ou incomodadas", disse Bove. "[Ela deve] ser tratada com muito respeito".

Bove espera que o seu vídeo mostre o magnífico réptil debaixo de uma luz nova e mais suave e descreva a sua experiência em que as palavras ficam aquém.

"Foi uma experiência inacreditável", disse Bove. "Nenhuma palavra pode fazer justiça às sensações que eu realmente estava sentindo durante essa experiência."

Partilhar no Facebook
0 0 Partilhas

Fonte: The dodo · Crédito foto: The dodo